Bem Vindos!

Loading...

sábado, 29 de janeiro de 2011

TOLEDO






TOLEDO


Os olhares, a fixação , a ternura,

os movimentos, a dança,

como bailar, nos espaços cósmicos,

sorver as estrelas, o belo som vibrante,

a voz suave e meiga da soprano, 

o tenor com sua voz altiva,

austera e determinada.

O rodopiar nos círculos da vida,

como um eterno ser

em constante evolução interior.

Os toques suaves do piano,

um passeio nas notas musicais,

o silêncio, o retorno a música,

os dois se olham,

são hipnotizados pelo belo som

que penetra no coração e na alma,

para num gran finale,

comungar,


a beleza da VIDA!


Tela de Ilusões. 01/2011.











quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

INTROSPECÇÃO.







INTROSPECÇÃO.




. . . Hoje estou introspectivo, em comunhão

com o universo, olhando 

suavemente as belas estrelas no céu,

 ou como disse o poeta,

" as estrelas também olham para mim”,

reflito sobre a vida, sobre nossos

semelhantes, se estão bem,

queria poder ver o brilho nos olhos de

todos, o sorriso de  felicidade,

do dever cumprido, da alegria de sentir

o palpitar dos corações, a harmonia dos seres,

até poder ouvir os belos cânticos dos anjos,

e as trombetas anunciando um novo 

alvorecer, para na plenitude do ser,

sorver os sublimes momentos da

verdadeira . . . 



. . . Paz Profunda!



De:
 Tela de Ilusões.( 06/2010 ).








Dormir. . .Sonhar. . .









Dormir. . .Sonhar. . . 




Dormir, sonhar, o sonho dos anjos,

o sonho dos justos, o sonho doce e 

gostoso, com própolis e geléias reais,

com polpa de amora, néctar de

pêssego, e com calda de goiaba,

o sonho dos amantes, o sonho das flores, 

o sonho das mais belas orquídeas

e rosas do mundo, os jasmins da vida 

a deixar seus aromas deliciosos

nos ares de nossas vidas, sonhar com as 

mais belas cachoeiras a molhar

nossos desejos e nossas vontades. . . 

Sonhos coloridos com belas e desconhecidas

cores, com os sabores mais suaves 

e com os perfumes

 mais deliciosos que houverem.





De: Ivanildo Assis .


( Tela de Ilusões). 07/2009.






quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Silêncio do Universo








Silêncio do Universo




Dê-me sua mão, viajemos por planetas insólitos, 

por galáxias distantes anos luz da terra, 

por planetas e galáxias, desconhecidos de nosso mundo, 

viajar no etéreo, na luminosidade do sêr, 

vivenciar momentos com os grandes mestres, 

com as mais altas esferas divinas, . . . 


Silêncio do Universo. . . 



. . . Tudo é Luz, 


Tudo é sentimento, 

Tudo é energia, 



Tudo é Paz Profunda! . . . 






De: Ivanildo Assis. 07/2009.





terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Porque,







Porque,





A vida é bela,

É simplesmente maravilhosa,

Sempre cheia de amigos,

Levando nossa alma as esferas celestes,

Deixando-nos mais introspectivos,

Em relação ao mundo, a nossa eterna

E importante caminhada em nossa jornada,

Porque,

Sentimos o aroma das belas flores que os rodeiam,

Chegamos a ver a essência do amor que recebemos,

Observamos os belos sorrisos estampados nos rostos,

Acreditamos a cada momento mais na vida,

Aprendemos a ter fé e confiança,

Comtemplamos os véus que descerramos dia a dia

Porque,



Sublimamos os carinhos recebidos,


Vemos com nossas almas, que somos todos um,

Viajamos na eternidade,

E chegamos ao infinito,

Ao cosmos de nosso interior,

Com uma bela chama acesa,


Porque,

Relemos todos os segredos de nossas vidas,

Analisamos nossas atitudes e as transformamos

Em bondades divinas, sempre,

Transmutamos tudo para o caminho altruísta,

Usamos a alquimia no cadinho de nosso ser,

Entendemos a necessidade de perseverar,

Porque,

Tudo são registros akásicos,

Tudo está no livro da vida,

Tudo está gravado na pedra sagrada,

Tudo é o éter,

Tudo está em nós,



Tudo é DEUS,


(De: Ivanildo Assis. 08/2010.)






Oh! Mulheres,







Oh! Mulheres,

Que sêres tão belos és,

Quanto carinho que geras teu filho,

Como cuidas tão bem de teu bebê,

Dás o leite materno, a fonte da vida,

Cuidas tão bem quando êle está crescendo,

E ainda consegues tempo para teu amor,

Sim aquele que lhe traz uma linda rosa,

Aquele que sente o perfume de teu corpo,

O que sente a tua meiguice em teus momentos,

Mas tú Mulher, és a sensibilidade certamente,

Que sentes até quando teu homem não está bem,

Que sabes ler naturalmente um coração,

Que o esperas paciente, a volta das cruzadas,

E estás sempre pronta para amar,

Que tens tua fôrça em teu corpo,

Para como se não bastasse tanto carinho para dar,

Ainda trabalhas para tornar-te independente,

Mereces os louros da vitória,

O troféu de grande guerreira,

O primeiro lugar no pódio da vida,

Tú mereces menina, realmente o nome de. . .


MULHER!


(by Tela de Ilusões). 07/2009.





domingo, 23 de janeiro de 2011

*TOC! TOC! ALGUÉM AI?! HUMMM...*





*TOC! TOC! ALGUÉM AI?! HUMMM...*




Sim, tem alguém, aqui!

Alguém, que quer te falar,

Que quer te dizer como está,

Que quer saber como estás?

Que quer dividir um pouco do coração,

Um pouco da alegria estampada no rosto,

Um pedaço do sorriso verdadeiro,

Um momento de pura felicidade,


E . . . a certeza de dizer-te . . . 


que a vida é maravilhosa, 


mesmo com as pedras no caminho.


Pois a vida. . . É BELA!


(Tela de Ilusões).06/2009.







Descrevendo o Pôr do Sol! ou Estrelas.




Descrevendo o Pôr do Sol! ou Estrelas.







Os belos olhos iluminando o mundo, 

qual Estrela brilhante, que certamente virá,

Com sua Luz incandescente, tocando nossos corações,

e seus cabelos suaves, deleitando-se nas montanhas,

Com o verde da natureza, cobrindo sua nudez,

seu corpo deitado suavemente em êxtase, mostrando-nos,

a esperança da vida.

Seu néctar, seguindo o curso do rio, como seguem-se,

as certezas da vida, a deliciar-nos com os momentos

mais sublimes, sentidos, 

e logo após, adormeceríamos, com um lindo abraço da vida, 

esperando uma nova Manhã, 

com o coração inundado de extrema alegria e felicidade,

anunciando-nos a volta . . . 

À Vida!


(by: Ivanildo Assis. Tela de Ilusões. ) 08/2009.




















O Instante Mágico!





O Instante Mágico!




Pode ser a bela lua crescendo a cada dia,

Também o canto dos pássaros,

Ou talvez as ondas quebrando na praia,

E quem sabe ainda, as lindas estrêlas piscando no céu,

Pode ser até o vento batendo suave em nossas faces,

E ainda a felicidade de rever um amigo,

A alegria de ver nossos semelhantes bem,

E pode ser um belo sorriso de uma criança,

Ou uma gargalhada de um senhor experiente,

Quem sabe um sentir dos anjos e arcanjos,

Ouvindo as trombetas soarem ao longe,

Receber o eco do grito no caverna,

Admirar o belo arco íris com suas lindas cores,

Ter a oportunidade de viver a Aurora Boreal,

Navegar nos mares suaves dos Oceanos,

Vivenciar as experiencias introspectivas,

Conhecer os segrêdos do Mundo,

Tocar sutilmente a Arca da Aliança,

Beber a água purificada no Santo Graal,

Empunhar firmemente Excalibur,

Conhecer intensamente o Hermetismo,

Mergulhar nos conhecimentos da Kaballah,

Tocar com a alma as regiões abissais da Terra,

Ouvir com o coração nossos irmãos. . . 

E isso tudo será. . . 



Certamente um momento com DEUS!





(by Tela da Ilusão).(09/2009)








Oh! Almas Gêmeas.






Oh! Almas Gêmeas.







Oh! Almas Gêmeas,

Buscam-se nas teias da vida,

Viajam por momentos interiores,

Vivem milhões de vidas, querendo um dia,

Encontrar seu par,

Como se fossem moldados na mesma forma,

Como se estivessem na eterna espera do encontrar,

Navegam por mares desconhecidos,

Provam corações as vezes perdidos,

Num eterno e infinito silencio,

Para quem sabe um dia encontrar,

A flor sagrada que tanto buscara,

E no exato momento, como se nada,

Acontecesse por acaso,

Cruzaram seus caminhos de um belo amor!

(by Tela da Ilusão - 18/11/08)