Bem Vindos!

Loading...

domingo, 23 de janeiro de 2011

Oh! Almas Gêmeas.






Oh! Almas Gêmeas.







Oh! Almas Gêmeas,

Buscam-se nas teias da vida,

Viajam por momentos interiores,

Vivem milhões de vidas, querendo um dia,

Encontrar seu par,

Como se fossem moldados na mesma forma,

Como se estivessem na eterna espera do encontrar,

Navegam por mares desconhecidos,

Provam corações as vezes perdidos,

Num eterno e infinito silencio,

Para quem sabe um dia encontrar,

A flor sagrada que tanto buscara,

E no exato momento, como se nada,

Acontecesse por acaso,

Cruzaram seus caminhos de um belo amor!

(by Tela da Ilusão - 18/11/08)









8 comentários:

  1. OLÁ QUERIDO AMIGO!
    SEU BLOG ESTÁ DIVINO E VOU PEDIR LICENÇA PARA POSTAR ESSA SUA POESIA NUM LINK QUE POSSUO NO MEU BLOG SOBRE ALMAS GÊMEAS. PARABÉNS PELO BELO TRABALHO.
    NAMASTÊ!!!

    ResponderExcluir
  2. lindo ,que sensibilidade para escrever com tanta delicadeza e verdades sobre essa eterna procura do ser humano, a alma gêmea!

    ResponderExcluir
  3. Querido amigo,desculpa a demora em te responder, pois estava fora há 1 mês e só agora vi seu recado. Sinto-me muitísimo honrada em participar deste maravilhoso blog. É muito difícil escolher entre tantas belezas, mas me identifico muito com "Almas Gêmeas". Vc é um poeta de altíssimo NAIPE. Incomparável.
    Sua eterna amiga, Virgínia(Vivi), ou como me chamam "Filha da Luz".

    Paz, amor, luz e compaixão sempre!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelas belas palavras de todos amigos, e Almas Gêmeas,surgiu em 11/2008, na busca incessante de ter um entendimento melhor sobre tão importante assunto.

    Felicidades hoje e sempre.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns Ivan, o blog está ótimo, adorei a poesia "Oh, Almas Gêmeas"
    abraços fraternos
    Mires

    ResponderExcluir
  6. Que lindo Ivan, é tão intenso ...principalmente qdo vc cita:Como se estivessem na eterna espera de encontrar....

    Abraços querido!!!

    ResponderExcluir